sábado, 27 de março de 2010

" Os mestres do dinheiro" - parte 9

" Os mestres do dinheiro" - parte 10

Projeto HAARP - vídeo


Para quem quiser entender mais detalhes sobre o Projeto HAARP, postei um artigo ontem,é só ir descendo as postagens. Valeu?

Ciro sobre as eleições

Pérolas da Internet


Dom Bertrand: o PNDH-3 é um programa que,
em seu conjunto, visa à demolição de princípios básicos
de nossa civilização ocidental e cristã.
Um instrumento de conquista do poder,
para implantar violento sistema socialista


Se tiver estômago, leia mais aqui: http://www.sacralidade.com/mundo2010/0304.pndh.html


Dom Bertrand de Orleans e Bragança, Príncipe Imperial do Brasil, é bisneto da Princesa Isabel.


Como é que é? Príncipe imperial do Brasil? (kkkk), bisneto da princesa Isabel e um FDP, ou melhor, membro da TFP.

by: Com Texto Livre

O verdadeiro interesse dos EUA no Irã


As riquezas do Irã em gás natural: EUA miram a principal energia do mundo futuro

O arranque programado para este mês dos furos da China National Petroleum Company (CNPC) do campo de gás de South Pars, no Irã, poderia ser tanto um indício como uma explicação para desenvolvimentos geopolíticos muito mais vastos.

Antes de mais nada, o projeto de US$5 bilhões – assinado no ano passado após anos de demora por parte dos gigantes da energia ocidental Total e Shell, sob a sombra das sanções dos EUA – revela o principal sistema arterial da futura oferta e procura mundial de energia.

Muitos críticos há muito suspeitavam que a razão real para o envolvimento militar dos EUA e de outros países ocidentais no Iraque e no Afeganistão é controlar o corredor energético da Ásia Central. Até agora, o foco parecia ser principalmente o petróleo. Há por exemplo afirmações que um gasoduto que cortará o Mar Cáspio sentido Mar Arábico, através do Afeganistão e do Paquistão, seja o prêmio principal por trás campanha militar aparentemente fútil dos EUA naqueles países.

Mas o que mostra a CNPC-Irã é que o gás natural será essencial para a economia do mundo, e a grande importância de duas vias deste combustível para o Leste e Oeste da Ásia Central rumo à Europa e à China.

Michael Economides, editor do Energy Tribune de Huston, é um dos numerosos observadores da indústria que está convencido de que o gás natural ultrapassará o petróleo como a principal fonte primária de energia, não apenas nas próximas décadas, como ao longo dos próximos vários séculos.

Ele destaca a recente previsão da International Energy Agency (IEA), com sede em Paris, que reviu dramaticamente em 100 % as suas estimativas das reservas globais de gás natural. Economides atribui este enorme aumento a rápidas melhorias tecnológicas em extrair de campos de gás até agora inacessíveis. Afirma que a IEA estima quantidades de gás natural para 300 anos de abastecimento da atual procura mundial. "Se alguém simplesmente fantasiar quaisquer contribuições futuras de ordens de grandeza dos maiores recursos na forma de hidratos de gás, é fácil ver como é quase certo que o gás natural evoluirá até ser o primeiro combustível da economia mundial", acrescenta.

A importância crescente do gás natural como fonte de energia tem sido firme e inexorável há muitos anos. Entre 1973 e 2007, a contribuição do petróleo para a oferta mundial de energia caiu de 46,1 % para 34,0%, com o aumento da utilização de gás natural sublinhando esse declínio, segundo a IEA. É previsto também que o consumo de gás natural triplicará entre 1980 e 2030, data em que provavelmente tornar-se-á a fonte de energia primária preferencial para as necessidades industriais e públicas.

Há razões sólidas para o gás natural (metano) estar a tornar-se o rei dos combustíveis fósseis. Em primeiro lugar, tem um poder calorífico muito maior do que o petróleo ou o carvão. Ou seja, mais calor produzido por unidade de combustível. Em segundo lugar, é o combustível mais limpo, pois emite 30 % menos dióxido de carbono em comparação com e 45% menos em comparação com o carvão. Em terceiro lugar, o gás é mais eficiente para o transporte, via gasodutos.

Para ler mais Pravda.Ru

By: O Cappacete

" Pausinha prum relax" - Cuide Bem Do Seu Amor - Paralamas do Sucesso

Kassab censura documento da ONU sobre Bolsa Família e Marta Suplicy

O prefeito da cidade de São Paulo, Gilberto Kassab, conseguiu nesta quinta-feira (25) atrasar a divulgação de um relatório do Programa para Assentamentos Humanos das Nações Unidas (UN-Habitat) sobre a cidade de São Paulo.

Segundo o relatório, a cidade de São Paulo teve melhoria de condições de vida de moradores de favelas graças a programas como o Bolsa Família, criado durante o governo Lula.

A gestão de Marta Suplicy também foi elogiada, como contribuinte da regularização de imóveis em favelas. Tais citações provocaram a ira no prefeito, que exigiu o adiamento da divulgação do relatório, segundo integrantes do Habitat.

O relatório São Paulo: Um Conto de Duas Cidades, seria lançado nesta quinta-feira no Rio de Janeiro, durante o 5º Fórum Urbano Mundial. Agora, a previsão é que o documento só seja oficialmente apresentado em junho. No entanto, o documento está disponível na internet.
O texto cita pesquisa da Fundação Getúlio Vargas sobre a redução da pobreza no País — entre 2003 e 2006, o número de brasileiros pobres caiu de 28,1% para 21,6%. Até o ganho real de 46% do salário mínimo justifica a melhoria de vida em São Paulo.

O representante regional da ONU-Habitat, Alberto Paranhos, tentou colocar panos quentes no veto da administração Kassab, dizendo que deu "oportunidade de a outra parte se manisfestar". Antes, tentou desculpar-se por aceitar a censura: "não quer dizer que a gente tem de pedir bênção".

O documento da ONU censurado por Kassab pode ser comprado aqui:

http://www.un-habitat.org/pmss/listItemDetails.aspx?publicationID=2924

Ou pode ser acessado aqui: (.pdf em inglês com 29,143 Kb de tamanho)

http://www.un-habitat.org/pmss/getElectronicVersion.aspx?nr=2924&alt=1

Da redação, com agências

Lei José Serra para professores em greve: Prendo, bato e arrebento

Tropa de Choque da Polícia Militar avançou sobre os professores para impedir que chegassem no Palácio do Bandeirantes.Pelo menos 16 ficaram feridos por policiais que usaram balas de borracha, gás pimenta , cassetete e bomba de efeito moral, nas ruas que levam ao Palácio dos Bandeirantes


os secretários adjuntos da Casa Civil, Humberto Rodrigues, e da Educação, Guilherme Bueno disseram que, Serra preferiu não negociar pessoalmente com os professores pois não quer passar a impressão de que esteja cedendo aos manifestantes. O governador e seus assessores avaliam que o movimento é mal visto pela maioria da população.

Praça de guerra ordenada pelo governador: Policia militar e tropa de choque abriram fogo contra a manifestação dos professores

Entrevista com Sam Harris

Encontrada a prova de que Deus não existe

O que a justiça suiça diz



Suíços acusam Alstom inglesa de corrupção
Segundo promotores, filial foi usada para pagar propina a políticos brasileiros; nomes e valores não foram revelados

MARIO CESAR CARVALHO
DA REPORTAGEM LOCAL

A filial inglesa da Alstom foi usada para pagar propina a políticos brasileiros, segundo informações extraoficiais de promotores suíços transmitidas às autoridades brasileiras que investigam a empresa.
O valor das comissões e os nomes dos beneficiados não foram informados.

A Alstom está sob investigação no Brasil sob suspeita de ter pago comissão ilícita para obter obras públicas em São Paulo a partir de 1995. Nesse período, o Estado foi governado pelo PSDB. Estão sob investigação contratos do governo com o Metrô e a Eletropaulo. As empresas negam ter cometido irregularidades.

Justiça venezuelana prende criminoso dono de emissora de TV

O criminoso Guillermo Zuloaga, presidente da emissora de televisão golpista venezuelana Globovisión, foi preso por ordem da Justiça Venezuelana por desrespeitar ordem judicial que impede sua saída do país.

O golpista fez declarações criminosas ofendendo o governo e o país, acusando-o de ser base de tráfico de drogas. Isso é crime em qualquer país do mundo e desobedecer ordem judicial é motivo de prisão imediata, no entanto a mídia bandida internacional tenta mostrar o criminoso como vítima de "censura".

Quem será?


Vejam que nota curiosa no texto de Rodrigo Vianna, O Escrevinhador:

P.S.: Em outra investigação importante, feita pela Policia Federal do Brasil, o nome de destacado líder tucano aparece associado ao de um jornalista (?) que gosta de usar chapéu. Os dois, pelo que indica planilha apreendida pela PF, teriam 50 mil razões para tratar muito bem uma construtora que está sob investigação. Talvez, tenhamos em breve mais detalhes sobre esse caso. O relatório final da PF chegou às mãos de bons repórteres em São Paulo. Receberam dos jornais ordem de não publicar nada sobre o caso - que chegaria muito perto de determinado candidato a presidente da República.

sexta-feira, 26 de março de 2010

" Os mestres do dinheiro" - 7

" Os mestres do dinheiro" -8

TERREMOTOS - PROJETO HAARP

                               Marinha russa denuncia que os EUA criaram o terremoto do Haiti


A Frota Russa do Norte indica que o sismo que devastou o Haiti foi, claramente, resultado de um teste da Marinha norteamericana através de uma de suas armas de terremotos e que elaborou um diagrama de sucessão linear em relação aos terremotos denunciados que casualmente se produziram à mesma profundidade na Venezuela e em Honduras.

pausinha prum relax - Eric Clapton - Layla [unplugged] (LIVE)

'Vinde a min todas as criançinhas" - Dart Ratzinger sabia de tudo!!


É esperar para ver. Já já alguém descobre carne de criancinha entre os dentes deste lobo mal.

Documentos obtidos pelo jornal americano New York Times revelam que até o bispo alemão Joseph Ratzinger, atualmente o papa Bento XVI, encobriu um sacerdote americano que abusou de aproximadamente 200 meninos surdos. A reportagem denunciando as omissões da Igreja foram publicadas nesta quinta-feira, 25, no diário.

By: Língua de Trapo

Conluio Estadão/ Tucanos esconde bandalheira


Zé Dirceu flagrou hoje como a cumplicidade entre as Organizações Serra(Globo, Veja, Folha, Estadão entre outros) e o conluio demotucano furtam dinheiro público e ainda fazem pose de paladinos da moralidade. Vejam só a bandalheira
Ao ver a manchete "Três executivos da Alstom são presos no Reino Unido" no Estadão de hoje, confesso a vocês que fiquei curioso sobre a acrobacia que o jornal dos Mesquitas faria para dar a notícia sem associá-la a seu editor-mór, José Serra, governador de São Paulo e candidato ao Palácio do Planalto.

Dito e feito: a matéria não traz para os leitores do Estadão uma única linha lembrando que a Alstom é processada pela Justiça na Europa (França e Suíça) acusada de ter pago milionários subornos aos políticos do PSDB paulista e aos integrantes dos governos tucanos de Mário Covas, Geraldo Alckmin e José Serra em troca de contratos com estatais.

Na matéria nada, absolutamente nada sobre os tucanos que receberam a propina dos executivos da Alstom! Todos foram ocultados pelo termo "funcionários públicos brasileiros", vejam: "Três executivos do Conselho da Alstom foram presos no Reino Unido por suspeita de pagar ou deter informações do pagamento de propinas a funcionários públicos brasileiros e de outros países em troca de contratos", diz o jornal.

Segundo as investigações, o dinheiro saía da multinacional na França, passava pelo escritório no Reino Unido e chegava às mãos dos tucanos paulistas que garantiam a vitória da Alstom em contratos públicos como os do Metrô, CPTM e Eletropaulo. Por mais que os tucanos queiram esconder e impeçam a instauração de uma CPI para apurar o caso, hoje todos sabem do episódio, bem como das suspeitas de superfaturamento do Metro de Brasília, no governo de José Roberto Arruda do DEM, o candidato a vice-presidente sonhado e agora preso na Polícia Federal.
Agora, o que nem o Estadão, nem os tucanos parecem saber é que o povo não é bobo. Sabe do conluio Alstom-PSDB-governos tucanos paulistas e da política do PSDB de controle da mídia - vide notícias como essa - e de impedir a criação de uma CPI."

By: Na Ilharga


"Vai dar" no Jornal Nacional? - País melhora índices de saneamento e habitação

Agência Brasil

“O déficit habitacional urbano brasileiro diminuiu em 476 mil residências em um ano, passando de 6,27 milhões de unidades, em 2007, para 5,8 milhões, em 2008, o que ainda é considerado alto. Os índices de saneamento básico também apresentaram melhora expressiva, com a rede de água potável chegando a nove em cada dez famílias brasileiras. A informação consta do 4º Relatório Nacional de Acompanhamento dos Objetivos do Desenvolvimento do Milênio (ODM), divulgado hoje (24) pelo governo.

Em 16 anos, segundo o documento, o percentual de pessoas morando em condições adequadas no Brasil melhorou 15%, avançando de 50,7%, em 1992, para 65,7%, em 2008. As áreas urbanas são as que apresentam o maior percentual de falta de residência (82%).
Para o ministro das Cidades, Marcio Fortes, as melhorias refletem as políticas habitacionais adotadas pelo governo nos últimos anos, como o programa Minha Casa MinhaVida.

“Temos feito com que o déficit habitacional venha caindo, com as obras que estão sendo feitas, com os programas que estão sendo implementados com vigor. São investimentos sólidos, fortes e importantes, que levarão adiante a decisão do governo de atacar o problema habitacional”, disse o ministro, que participa do 5º Fórum Urbano Mundial das Nações Unidas, na zona portuária do Rio, até o dia 26. O evento reúne mais de 15 mil participantes de 160 países.

Os dados apontam ainda que 89,2% do déficit habitacional é concentrado nas famílias com renda de até três salários mínimos. O problema é mais grave nas cidades brasileiras com mais de 500 mil habitantes: em 97,3% delas há favelas, em 86,5%. cortiços e em 94,6%, loteamentos clandestinos ou irregulares.
Em relação ao déficit em saneamento, o relatório aponta uma grande diferença entre o Brasil rural e urbano. Enquanto nas cidades a água tratada chega a 91,6% das famílias, no interior o índice é bem menor: 27,4%.

O estado com maior oferta de água tratada é São Paulo, com 98,9% das residências atendidas. Na ponta oposta está o Pará, onde só 51,5% da população possui acesso ao serviço.
A rede de esgoto também apresenta uma grande diferença entre campo e cidade, chegando a 80,5% nas áreas urbanas e a 23,1% nas zonas rurais.

A proporção de famílias atendidas por ambos os serviços - água e esgoto - subiu de 62,3%, em 1992, para 76%, em 2008.”

""Quase deu" no Jornal Nacional; Chuva alaga rua e faz carros boiarem na Vila Madalena

“A chuva da tarde desta quinta-feira, 25, voltou a causar sérios transtornos na cidade de São Paulo. Na Vila Madalena, o fotógrafo Ronaldo Aguiar relata que alguns carros passam boiando e que outros foram amarrados em árvores para não cederem à força da enxurrada.

A chuva da tarde desta quinta-feira, 25, voltou a causar sérios transtornos na cidade de São Paulo. Na Vila Madalena, o fotógrafo Ronaldo Aguiar relata que alguns carros passam boiando e que outros foram amarrados em árvores para não cederem à força da enxurrada.

Entre as 14h15 e as 14h30 o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) decretou estado de atenção para a zona norte, a marginal Pinheiros, a zona oeste, a zona sul, o centro e marginal Tietê, pela forte chuva que atinge a cidade. Isso se soma ao estado de atenção decretado anteriormente para as zonas leste e sudeste.”
Fontes: Ronaldo Aguiar, Terra Magazine

SERRA CENSURA: Escolas de SP são orientadas por diretoria de ensino a se calarem sobre greve

Pelo menos 77 escolas estaduais da zona leste de São Paulo foram orientadas a não dar informações para a imprensa sobre a greve dos professores. A iniciativa partiu da Diretoria de Ensino da Região Leste 3, em comunicado enviado por e-mail aos diretores das escolas no início do mês. A região leste 3 compreende os distritos de Cidade Tiradentes, Guaianases, Iguatemi, José Bonifácio, Lajeado e São Rafael.

No texto, a diretoria afirma que, por causa da paralisação, que teve início no dia 8, "A imprensa está entrando em contato diretamente com as escolas solicitando dados e entrevista." E pede: "Solicitamos ao diretor de escola para não atender a esta solicitação." O comunicado ainda orienta como proceder em relação ao envio de informações sobre a greve para o governo, detalhando dias e turnos em que os professores estiveram ausentes.

Em nota divulgada ontem, o governo afirmou que a orientação da diretoria regional "é para que os pedidos de jornalistas às escolas sejam encaminhados à assessoria de imprensa da Secretaria da Educação". O texto ainda afirma que o setor deve fornecer informações e entrevistas solicitadas por jornalistas, já que "o trabalho da assessoria de imprensa é uma praxe em instituições públicas e privadas".

Para a Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial de São Paulo), a medida "fere a liberdade de expressão". As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.
Lambido do: Terra Brasilis

45 mil escolas já têm conexão banda larga - Bye Bye Serra


Amanda Cieglinski


Repórter da Agência Brasil
Brasília - O ministro da Educação, Fernando Haddad, disse hoje (24) depois de reunião na Casa Civil que o cronograma de atendimento do programa Banda Larga nas Escolas está sendo cumprido. Segundo ele, atualmente 45 mil escolas públicas já estão com esse tipo de conexão. Participaram do encontro a secretária executiva da Casa Civil, Erenice Guerra, representantes da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), das empresas de telecomunicação e dos ministério das Comunicações e do Planejamento.[...]
A previsão inicial era atender 55 mil escolas até o final de 2010, mas, de acordo com o ministro, mais 8 mil escolas foram incluídas na conta. “A partir do censo escolar de 2009, 8 mil escolas mudaram de classificação, foram informadas como escolas urbanas e não rurais. As teles se comprometeram a atender também essas escolas até o fim de 2010”, explicou. Com isso, a expectativa é que o total de escolas atendidas pelo programa até o fim do ano chegue a 64 mil.

De acordo com o ministro, ainda está sendo discutida a implantação da banda larga nas escolas rurais, que respondem por 15% das matrículas da educação básica. Metade delas, segundo Haddad, deverão ser atendidas pelo programa Gesac - programa do Ministério das Comunicações que atende comunidades distantes onde a banda larga não chega - até o final de 2010.
Haddad apontou que há um problema localizado em São Paulo onde algumas escolas já estavam conectadas por programas do estado, mas podem receber uma rede adicional para uso dos laboratórios. “É uma decisão que cabe ao governo do estado tomar porque as escolas já estavam conectadas”, explicou.

É necessária autorização do governo de São Paulo para que as empresas de telecomunicação possam instalar as redes. O programa previa ainda, após a instalação da conexão em todas as escolas, a ampliação da capacidade de tráfego de 1 megabyte (MB) para 2 MB. De acordo com Haddad, essa meta está sendo antecipada e cerca de 3 mil escolas já estão com a conexão ampliada.

O eleitor indesejado

Por Mauro Santayana

Segundo os jornais, o nome do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso foi excluído da lista dos possíveis oradores no lançamento da candidatura do governador José Serra à Presidência da República, no dia 10. De acordo com as mesmas fontes, o outrora festejado líder, mais do que ajudar, poderá prejudicar o governador de São Paulo.

SP: Estudantes fazem ato e participam de assembléia da Apeoesp

“Nesta sexta-feira (26/3), o principal ato da Jornada de Lutas do Movimento Estudantil, protagonizada pela União nacional dos Estudantes (UNE), pela União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (Ubes) e pela Associação Nacional de Pós-Graduandos (ANPG) será em São Paulo (SP). Na parte da manhã, os estudantes pautam a bandeira nacional: 50% do fundo do pré-sal para a educação. À tarde, participam da assembleia dos professores da rede estadual de ensino.

Luana Bonone, Vermelho.org

A União Estadual dos Estudantes de São Paulo (UEE-SP) junto com a União Nacional dos Estudantes(UNE) realiza ato com a bandeira da melhoria do ensino do Estado e também a defesa da PEC nº 9, que se refere a 50% dos royalties estaduais do pré-sal de para a educação.
A Manifestação está marcada para ocorrer esta sexta-feira (26/3), a partir das 10h, em frente à Assembléia Legislativa de São Paulo (Alesp).

No período da tarde, os estudantes participam de assembleia dos professores da rede estadual, em solidariedade à categoria e em defesa das bandeiras levantadas pela melhoria da qualidade do ensino em São Paulo.

O Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp) vai reforçar sua mobilização para fortalecer a greve da categoria, iniciada no dia 8 de março, contra o desmonte do ensino sob a gestão José Serra (PSDB). Para a próxima assembleia, na sexta-feira (26/3), em frente ao Palácio dos Bandeirantes (sede do governo estadual), a entidade quer superar o êxito da última manifestação — que reuniu cerca de 60 mil docentes na Avenida Paulista, sexta passada (19/3)."

Lula diz que vai ao Irã para evitar que aconteça ao País o mesmo erro cometido no Iraque

Daniel Mello, Agência Brasil

“O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, disse hoje (25) que visitará o Irã, em maio, para evitar que a crise provocada pelo desenvolvimento do programa nuclear gere conflitos com algumas potências do Ocidente.

“Vocês já sabem da quantidade de crítica que eu tenho recebido porque tomei a decisão de receber o presidente [Mahammud] Armajinejad. E tomei a decisão de ir lá. Eu vou lá porque não quero que se repita no Irã o erro que se cometeu no Iraque”, disse ao ser homenageado em jantar promovido pela comunidade árabe, em São Paulo.

Na avaliação do presidente, a guerra contra o Iraque foi fruto de uma “mentira” contada pelas “grandes potências” de que o país teria armas de destruição em massa. Lula afirmou que tentará mediar as divergências entre a nação islâmica e os países que discordam do programa nuclear iraniano. “Nós vamos juntar todas essas preocupações [do Brasil e de outros países] para dizer ao presidente Armajinejad: nós queremos paz”.

Lula disse ainda que defenderá o direito do Irã enriquecer o urânio para fins pacíficos, mas deixará claro que é contra o uso da tecnologia nuclear para a produção de armas. “Vou lá para dizer ao presidente Armajinejad, em Terã: 'sou contra você querer fazer armas nucleares, mas sou favorável a você enriquecer urânio como o Brasil enriquece para produzir energia elétrica'”.

No seu discurso, o presidente também cobrou uma participação mais ativa da Organização das Nações Unidas (ONU) em favor da paz no Oriente Médio. E ressaltou que o Brasil pode ter um papel importante na mediação de conflitos na região. “A paz no Oriente Médio não depende do estado de espírito do governo americano ou dos governos europeus, é uma necessidade para a humanidade viver em paz”.

quinta-feira, 25 de março de 2010

A mídia e o público no caso Nardoni

" Os mestres do dinheiro" - 5

A história de como os Bancos Privados se tornaram a mais poderosa e infame dominação do mundo.

" Os mestres do dinheiro" - 6

A história de como os "Bancos Privados" se tornaram a mais poderosa e infame dominação do mundo-Parte 6.

Ministro do TSE rejeita contas do PSDB e de Alckmin



O ministro Felix Fischer, do TSE, considerou “irregular” a contabilidade da campanha presidencial tucana de 2006.

Relator das prestações de contas do comitê eleitoral do PSDB e do então candidato Geraldo Alckmin, Fischer rejeitou ambas.

Como punição, sugeriu ao tribunal o bloqueio, por seis meses, dos repasses de verbas do Fundo Partidário para o PSDB.

Submetido na noite passada ao plenário do TSE, integrado por sete ministros, o voto de Fischer foi acompanhado pelo colega Fernando Gonçalves.

O julgamento foi suspenso porque o ministro Marcelo Ribeiro, terceiro a votar, pediu vista dos dois processos.

Felix Fischer escorou o seu voto em relatórios de um órgão técnico da Justiça Eleitoral, a Coepa.

Trata-se da Coordenadoria de Exame de Contas Eleitorais e Partidárias. Apontou várias irregularidades nas contas do tucanato e de Alckmin.

A principal delas refere-se à dívida exposta na contabilidade da campanha. O PSDB informou ao TSE que arrecadou cerca de R$ 59 milhões.

Os gastos da campanha escalaram a casa dos R$ 79 milhões. Restou um passivo de R$ 19,9 milhões.

Pela lei, o partido teria dois caminhos: ou liquidava a dívida antes da prestação de contas ou transferia o débito do comitê eleitoral para a legenda.

Na segunda hipótese, o partido teria de obter de cada credor uma anuência escrita da renovação do débito.

Na sua prestação de contas, o PSDB assumiu as dívidas. Mas não anexou ao processo o aceite dos credores. Daí a rejeição das contas.

Em sua defesa, o tucanato alegou que fez, em 2006, o mesmo que fizera na campanha de José Serra, em 2002.

O diabo é que o comitê petista de Lula procedeu de forma distinta. Também levou à prestação de contas da campanha de 2006 um resultado negativo. Porém...

Porém, além de assumir os débitos, o PT foi de credor em credor, para obter de todos eles a concordância quanto à protelação dos pagamentos.

A defesa do PSDB tentou contra-argumentar:

“Convenhamos que, para o partido do presidente da República, cuja reeleição acabara de ocorrer, é fácil conseguir esse tipo de concordância. A mesma condição não se aplica ao candidato derrotado”.

O relator Félix Fischer deu de ombros. Manteve o voto pela rejeição das contas e pela imposição da pena de bloqueio dos repasses do Fundo Partidário por seis meses.

O julgamento será finalizado quando o ministro Marcelo Ribeiro, aquele que pediu vista, devolver os processos ao plenário. Algo que deve ocorrer até o final de abril.

Fonte: Blog do Josias de Souza ( fazer o que?)

Lula e o *P.I.G



* P.I.G - Partido da Imprensa Golpista, apelido dado por Paulo Henrique Amorim à Imprensa Brasileira.

Presidente da Ordem dos Advogados de Portugal pede apoio de Lula na ONU



O presidente da Ordem dos Advogados de Portugal, Antônio Marinho e Pinto, apelou aos advogados para que apoiem a candidatura de uma figura da lusofonia ao cargo de secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), apontando para este desafio o atual presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva.

Antônio Marinho e Pinto fez o apelo ontem, em Lisboa, no início oficial dos trabalhos do I Congresso Internacional de Advogados de Língua Portuguesa, segundo noticia o "Jornal de Negócios" na sua edição de hoje.

"Exorto este congresso a apresentar à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), e a todos os chefes de Estado e de Governo dos países que a integram, uma proposta para que sejam desde já encetadas as diligências para apresentar a candidatura de uma figura pública lusófona de proeminência a secretário geral da ONU", afirmou Marinho e Pinto, citado pelo mesmo jornal.

By: Primeira Página

Perguntas de um trabalhador que lê - Bertold Brecht

Pausinha prum relax - Hermeto Pascoal

Jornal "Falha de São Paulo"

PAC: Governo rebate reportagem da Folha sobre obras inauguradas por Lula
O jornal Folha de São Paulo publicou em sua edição de domingo (21), com direito a manchete de capa, ampla reportagem sobre obras inauguradas pelo presidente Lula que não estariam em pleno funcionamento. O material, no entanto, foi produzido sem que as partes interessadas – no caso, os ministérios responsáveis pelas referidas obras – fossem ouvidas.

O Blog do Planalto publicou nesta terça-feira (23) as respostas dos ministérios da Integração Nacional, Ciência e Tecnologia, Educação e Cidades, além da Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro, enviadas ao jornal nesta segunda-feira (22), explicando a real situação das obras citadas na reportagem.

"É impressionante a implicância de alguns com o PAC, desde que foi lançado. Primeiro diziam que o PAC era uma obra de ficção. Quando foram apresentados os projetos, disseram que o governo não conseguia tirar as obras do papel. Quando foram removidos os obstáculos, apontaram a baixa execução orçamentária. Quando os recursos foram liberados e os empregos na construção civil cresceram de forma impressionante, questionaram atrasos no cronograma. Quando as fases concluídas das obras são entregues para beneficiar a população com creches e escolas, casas e apartamentos, barragens e estações de tratamento de água, estradas e ferrovias, estações de metrô e centros esportivos, reclamam que ainda está faltando alguma coisa para terminar. E quando terminar outras estarão começando, porque o PAC é o motor do crescimento deste país e não pode parar", diz o blog.
Confira as respostas reunidas no blog:

RESPOSTA DO MINISTÉRIO DA INTEGRAÇÃO NACIONAL
A propósito de matéria publicada pelo jornal FOLHA DE SÃO PAULO na edição deste domingo, dia 21, LULA INAUGURA OBRAS QUE VOLTAM A SER CANTEIROS, o Ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima esclarece o seguinte:
O senhor Presidente da República, a convite do Ministério da Integração Nacional, foi inaugurar e Setúbal, Minas Gerais, uma obra absolutamente concluída. O governo do estado de Minas Gerais ainda não pode emitir a documentação de operacionalização porque aguarda que o nível das águas do reservatório alcance a cota de operação.
Até os críticos mais ácidos admitem que o presidente Lula tem feito muito por este País, mas ainda não conseguiu fazer chover.
Geddel Vieira Lima, Ministro da Integração Nacional

RESPOSTA DO MINISTÉRIO DAS CIDADES
Brasília, 22 de março de 2010.
À seção Painel do Leitor:
Em relação à matéria Após inaugurações, obras de Lula voltam a ser canteiros (Brasil, 21/3), o ministério das Cidades informa que cada uma das intervenções de urbanização nos complexos do Alemão, de Manguinhos e do Cantagalo, assim como nas comunidades da Rocinha e Juliano Moreira compreende diferentes obras, com cronogramas diferenciados. À medida que são concluídas e podem trazer benefícios imediatos à população, essas obras são entregues aos beneficiários.

RESPOSTAS DO MINISTÉRIO DA CIÊNCIA E TECNOLOGIA
Sobre a CEITEC
Em resposta à matéria publicada na Folha de São Paulo, edição de ontem (21/03/2010): “Governo diz receber dado impreciso de obras”, a Assessoria de Comunicação do CEITEC S.A esclarece que, por ocasião de sua inauguração pelo Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em 05 de fevereiro deste ano a unidade fabril da CEITEC S.A. estava totalmente concluída e equipada. Construída de acordo os padrões internacionais, a fábrica da CEITEC já iniciou a produção de chips, se habilita para receber, em breve, todas as certificações obtidas pelas grande empresas mundiais nesse setor.
Sobre o Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE)
Em resposta à matéria publicada na Folha de São Paulo, edição de ontem (21/03/2010): “Governo diz receber dado impreciso de obras”, a Assessoria de Comunicação do Laboratório Nacional de Ciência e Tecnologia do Bioetanol (CTBE) esclarece que, ao ser inaugurado pelo presidente Luiz Inácio da Silva, em 22 de janeiro de 2010, o prédio do Laboratório Nacional estava concluído e equipado.
As dependências do Laboratório Nacional foram apresentadas à imprensa, inclusive com demonstrações de pesquisadores, durante coletiva realizada na véspera da inauguração (21/01) da qual a própria Folha de São Paulo participou, por meio do seu correspondente em Campinas.

RESPOSTA DO MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
Em fevereiro deste ano foram inaugurados dois prédios do Campus Mucuri, em Teófilo da Otoni (MG), que integra a Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri. Os prédios do Campus de Teófilo Otoni ficaram prontos em agosto de 2009, ainda sem a totalidade das obras de infraestrurura prontas. Em janeiro de 2010 as obras foram terminadas e a inauguração foi feita em fevereiro de 2010.

RESPOSTA DA SECRETARIA MUNICIPAL DA SAÚDE DO RIO DE JANEIRO
Com relação à matéria intitulada “Após inaugurações, obras de Dilma voltam a ser canteiros” (21,03/2010), a Secretaria Municipal de Saúde do Rio de Janeiro esclarece que os três serviços do Complexo de Atendimento à Saúde da Rocinha – Unidade de Pronto-Atendimento (UPA), Clínica da Família e Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) –, cuja gestão está sob sua responsabilidade, estão em funcionamento desde o dia de inauguração da unidade, em 8 de março. Dessa forma, não corresponde à verdade a informação constante da referida matéria, de que apenas a UPA está em operação.

Assessoria de comunicação
Secretaria Municipal de Saúde do RJ

Blog do Planalto

O Globo e os números do PAC


Por Beatrice

Um leitor me cobra um posicionamento sobre a matéria de ontem de O Globo – com continuação hoje – sobre um suposto “rombo” do PAC. Trato do assunto por consideração ao leitor, porque está evidente para todos que o jornal perdeu completamente qualquer compromisso com a apuração e, sobretudo, a correta dos fatos e tornou-se, apesar dos bons profissionais que tem – uma ferramenta de campanha eleitoral da oposição a Lula. Portanto, à medida em que se aproximam as eleições, levo cada vez mais em conta uma antiga observação de Leonel Brizola: tudo o que O Globo publica é, em princípio, falso ou manipulado. E a maior prova disso e que o “escândalo” de um rombo de R$ 35 bilhões não repercutiu nem nos outros jornais, que não exatamente morrem de amores por Lula.
A matéria de ontem, como a de hoje, é um completo disparate. Botaram a repórter para trabalhar no que não valia 30 linhas. Logo na primeira frase da chamada de primeira página, o texto trai a manipulação: “O Governo Lula deixará para o sucessor uma conta de R$ 35,2 bilhões referente a obras do PAC, contratadas entre 2007 e 2010, mas que não serão executadas nem pagas na atual gestão”.
Ora, se as obras não foram executadas não poderiam ter sido pagas. E, se não foram executadas, não há conta alguma, é obvio. Se o jornal escrevesse “R$ 35 bilhões em projetos não executados” isso mereceria discussão. É uma boa matéria a que discutissse os problemas – os circunstanciais e os formais – que atrasam as obras públicas. Mas dar manchete para uma “conta” que não existe já deixa claro o propósito da matéria.
Além disso, afirmar que despesas empenhadas e não liquidadas são “rombo” é desconhecer o mínimo de contas públicas. Existem dispositivos na Lei de Responsabilidade Fiscal que vedam “restos a pagar” sem indiscriminada cobertura orçamentária. Bem como a Lei Orçamentária prevê reservas para despesas de exercícios anteriores. Estes pagamentos, portanto, fazem parte do Orçamento, estão contabilizados e cobertos por receitas. Chamam-se, para ajudar O Globo a entender, “restos a pagar inscritos”. E, se a despesa foi empenhada, não necessáriamente representa uma dívida do Estado: a Lei 4320, que rege orçamentos e despesas públicas diz que “o empenho de despesa é o ato emanado de autoridade competente que cria para o Estado obrigação de pagamento pendente ou não de implemento de condição. Ou seja, de realização do serviço contratado.
Pagar por uma obra pública não é como passar no caixa do mercado. Quando você contrata algo, tem de haver uma nota de empenho e reserva de recursos. Para pagar, é preciso atestar a execução, não apenas receber a nota fiscal. Aí faz-se o lançamento disto no SIAFI e só depois o pagamento.
E não se vai pagando assim, no más, como se diz no Sul. Toda obra tem um cronograma fisico- financeiro. Vai fazendo, vai pagando. Atrasou, não recebe. O Estado não faz pagamentos antecipados. E existem, sim, muitas obras atrasadas, por diversas razões, e uma delas é o rigor com que estes contratos públicos estão obrigados, o que aliás, é sempre assunto no jornal quando surge alguma irregularidade, mesmo que formal, apontada pelo Tribunal de Contas.
Os níveis de empenho e pagamentos são crescentes e absolutamente normais em matéria de gestão financeira.
Será que O Globo pensa que a administração pública é a casa da sogra, onde o ministro ou ou presidente diz: “paga isso, não paga aquilo, dá tanto pro fulano”? Pode até ser, numa prefeitura de uma cidadezinha do interior, mas não a administração pública federal, que é profissional e que conta com regras rigorosas de gestão de dinheiro no Tesouro.
Pior é estimar valores anuais com base em dois meses de execução orçamentária, uma total maluquice.
Os dados da excução – inclusive a orçamentária – são públicos, estão na internet. O andamento das obras do PAC, também.
A matéria de hoje é mais risível ainda. O jornal não quer que entrem na conta de investimentos os recursos que o Governo mobiliza para financiar casas populares ou para tirar o petróleo do pré-sal. Uai, este dinheiro é o que? Custeio? Despesa corrente?
Ah, ficar comentando O Globo, francamente, é perda de tempo. Aliás, a capa do jornal de ontem só vale pela linda foto do Custódio Coimbra, grande fotógrafo e um apaixonado pelo Rio de Janeiro, que sempre dá grandeza e poesia ao seu trabalho.

Brizola Neto

Serra desmonta os serviços públicos e sai candidato

Quem destrói a educação não pode ser PresidenteQuem paga os PSDB, os Piores Salários Do Brasil ?
O Zé Alagão, Zé Pedágio, Presidente eleito, que se lançou candidato no programa do Datena.
“Delegados iniciam greve com operação padrão”, diz o Agora, na página A5.
Os professores estão em greve.
Os funcionários da Saúde farão showmício para mostrar como se vive com um vale refeição de R$ 4, o “vale-coxinha”.
R$ 4 de vale refeição, amigo navegante.
E vão entrar em greve (Valor, página A14 )
O vale refeição mensal do professor de São Paulo, mensal, é de cinquenta reais.
Pode ?
É isso o que ele chama de “Estadativo”?
O Secretário da Administração tem uma reposta imperdível: “Preferimos investir em obras que poderão ser usadas por toda a sociedade.”
Claro, policial, professor e funcionário da saúde não tem serventia para a “sociedade” tucana de São Paulo.

Paulo Henrique Amorim

Gosto não se discute

Tem gente que prefere construir, plantar, criar. Serra acha "uma terapia" destruir. É sintomático.


Serra participa de demolição em obra sem projeto pronto
Segundo governador de SP, que corre para iniciar obras de sua gestão, ‘é gostoso. Derrubar prédios é uma terapia’


CAROLINA FREITAS – Agencia Estado


De saída do governo de São Paulo e em uma corrida para entregar as obras iniciadas em sua gestão, o presidenciável José Serra (PSDB) participou nesta terça-feira, 23, da demolição de imóveis da região central da capital paulista. O terreno dará lugar ao Complexo Cultural Teatro da Dança, a ser entregue em 2013. No comando de uma máquina de demolição – enfeitada com um enorme adesivo amarelo do Governo de São Paulo -, Serra derrubou um muro de concreto. “É gostoso”, disse do alto da máquina. “Derrubar prédios é uma terapia.”

Fonte: Esquerdopata

quarta-feira, 24 de março de 2010

A imprensa brasileira contra Isabela Nardoni negra


Pelo visto, não:

Criança morre em tiroteio no morro do chapadão, Rio de Janeiro - Não vi nenhuma cobertura jornalistica nacional sobre este caso.

No Mato Grosso do sul, briga entre médicos causa morte de bebê em parto – Não vi nenhum Globo Repórter especial sobre este caso. Na verdade, não vi quase nada a respeito!

Ano passado, Ana Cristina Macedo, 17 anos, foi morta por policiais que entraram na favela atirando – Não teve cobertura do assunto por mais de 2 dias. Não teve Globo Repórter Especial. Não teve capítulo da novela das 8 em homenagem. Não teve vídeo no youtube falando que Ana Cristina é nossa estrelinha. Se o policial indiciado pelo crime foi punido ou não é um mistério que a televisão não tem o menor interesse em desvendar. Quando os moradores da favela se manifestaram (e se revoltaram) a imprensa brasileira aproveitou pra falar que era “tudo traficante”.


Pobre na imprensa brasileira não tem vez mesmo.


By: Quanto tempo dura? - Blog do Itárcio

" Os Mestres do dinheiro" - 3

" Os Mestres do dinheiro" - 4

Pausinha prum relax - Já é - Lulu Santos



E ai? você se vê nessa música?

Em Minas, Serra perderia até para Alckmin


Estão circulando informações sobre uma pesquisa Vox Populi em Minas. Dilma já teria 45% contra 29% de Serra, 7% de Ciro e 5% de Marina. É bom lembrar que no primeiro turno de 2006, em Minas, Lula teve 48,61%, Alckmin teve 41,64% e Heloísa Helena teve 6,85%. Se os dados se confirmarem, talvez fosse o caso dos tucanos trocarem: Serra para re-eleição em São Paulo e Alckmin para candidato à Presidência - QUE PERDERIA DE NOVO, MAS PERDERIA MELHOR....

Cinco partido de oposição em SP, fecham acordo com mercadante

Daniel Roncaglia, Folha Online

“Cinco partidos --PDT, PRB, PC do B, PSL e PR-- fecharam nesta terça-feira apoio à pré-candidatura do senador Aloizio Mercadante (PT) ao governo de São Paulo.

"Os partidos decidiram que se o candidato do PT for Mercadante, eles vão apoiar", afirmou o presidente do PT de São Paulo, Edinho Silva, depois de reunião com dirigentes dos partidos e Mercadante.

As legendas, que fazem oposição ao governo José Serra (PSDB), também decidiram apoiar as pré-candidaturas ao Senado da ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy e do vereador Netinho de Paula (PC do B). O candidato a vice na chapa deve ser indicado pelo PDT.”

É a economia estúpido !!

Em noventa e quatro, os candidatos da oposição foram para a campanha eleitoral como quem vai para a forca. O Plano de estabilização da economia, capitaneado pelo então ministro da Fazenda do Governo Itamar Franco, Fernando Henrique Cardoso, tinha causado uma onda de euforia na sociedade brasileira e, portanto, na nossa economia. Um real valia um dólar. O consumo explodiu e o turismo interno também "estava bombando". Prova disso é que naquele verão tivemos quase 100% de ocupação na pousada que administrávamos no Arraial D'Ajuda, na Bahia.


Ainda naquele ano, FHC foi eleito com 55% dos votos, logo no primeiro turno. Dois anos antes, a frase de um marqueteiro politico tinha sido importante para explicar a vitória do democrata Bill Clinton, na corrida à Casa Branca: "É a economia, estúpido!"


Portanto, ignorar que a economia é a chave para enteder a cabeça do eleitor, é ignorar a história. História que voltou cristalina à mente, depois que li a notícia de que os juros ao consumidor são os mais baixos desde o início da série histórica, em 1994: 41,9%. A inadimplência também cai, o que diminui o risco de emprestar e, consequentemente, fará as taxas cairem ainda mais, lá na frente. Para completar esse cenário, a economia se expande com força, a oferta de empregos aumenta, aumenta a renda e, assim, a arrecadação federal. A inflação também parece estar controlada e o câmbio, bom o câmbio é assunto para o Nassif. Vendo do meu canto, a continuar esse sol e este céu azul no horizonte, vou ser obrigado a dizer em Outubro: É a economia, estúpido!
by: do lado de lá

Pausa prum relax - Roda Viva, por Chico Buarque

" Não é impossível imaginar que a Dima ganhe no 1º turno, diz diretor do Vox Populi

“Diretores dos quatro principais institutos de pesquisa do País veem cenário favorável à Dilma

Jair Stangler, estadão.com.br

O crescimento nas pesquisas eleitorais da pré-candidata do PT à Presidência, ministra Dilma Rousseff, ante a estagnação de seu provável adversário, o governador de São Paulo José Serra (PSDB) tem impressionado os diretores dos quatro principais institutos de pesquisa do País. Márcia Cavallari, do Ibope, João Francisco Meira, do Vox Populi, Mauro Paulino, do Datafolha e Ricardo Guedes, do Sensus, estiveram reunidos em São Paulo na tarde desta segunda-feira, 22, para debater o cenário eleitoral, em evento da Associação Brasileira de Empresas de Pesquisas. O professor Marcus Figueiredo, do Iuperj também esteve no debate, mediado mediado pela jornalista Cristiana Lôbo.

Meira deu o palpite mais ousado da tarde: "não é impossível imaginar que a Dilma ganhe a eleição já no primeiro turno", afirmou. Segundo ele, quando há candidatos carismáticos, a disputa se concentra mais entre as personalidades desses candidatos. Mas, para ele, nem Dilma nem Serra são carismáticos. ‘Carisma não é o nome dessa eleição’, afirmou.

Ele listou alguns fatores que, na sua avaliação, devem decidir a disputa eleitoral. O primeiro seria a economia: se estiver ruim, a tendência é de mudança - mas a economia é o principal trunfo do governo Lula. Em segundo, o aspecto ideológico - nesse caso, diz ele, 56% das pessoas se definem como sendo de esquerda e 30% como eleitores do PT.”

Água suja!!!


Trabalhando para que você sifú!!!


Nesta segunda-feira, 22 de março, Dia Mundial da Água, a população da Baixada Santista tem pouco a comemorar. Afinal, a água fornecida na região ostenta alguns dos piores indicadores do Estado de São Paulo e, apesar de denúncias na imprensa e reiteradas cobranças, inclusive judiciais, a Sabesp insiste em descumprir a legislação federal que estabelece procedimentos e responsabilidades relativos ao controle e vigilância da qualidade da água para consumo humano e seu padrão de potabilidade. Como representante jurídico da ONG Princípios, que atua no litoral paulista, o advogado Sidnei Aranha, já obteve duas significativas vitórias contra a empresa.
notícia do site:http://www.faustofigueira.com.br/

Não deu no Jornal Nacional; Serra tem até a próxima semana para devolver dinheiro desviado da saúde

Brasília Confidencial

“Até o próximo dia 29/03, o governo Serra terá de devolver ao Fundo Estadual da Saúde os recursos destinados ao SUS e desviados para contas em nome do tesouro. A ordem é dos Ministérios Públicos do Estado de São Paulo e Federal, que publicaram uma recomendação aos secretários de Estado da Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata, e da Fazenda, Mauro Ricardo Machado Costa. O documento é uma reação tardia a dez anos de representações e denúncias de desvio e não aplicação dos recursos mínimos na saúde – estabelecido em 12% do orçamento estadual – feitas pela bancada do PT na Assembleia Legislativa e também por entidades do setor.

Além de devolver os recursos depositados na conta única do Estado, gerenciada pela Secretaria da Fazenda, o governo de SP terá de enviar mensalmente a documentação relativa à movimentação dos recursos do SUS ao Conselho Estadual de Saúde – o que não vem sendo feito – a fim de permitir a fiscalização. O desvio de verbas foi comprovado pela auditoria realizada em 2009 pelo Departamento Nacional de Auditoria do SUS (Denasus) em todos os Estados da Federação. Somente nos anos de 2006 e 2007 (Alckmin/Serra), o valor chegou a R$ 2,1 bilhões. Parte do dinheiro estava em contas ou aplicações financeiras em nome do Tesouro Estadual. Entre 2001 e 2009, os gastos indevidos somaram aproximadamente R$ 5,7 bilhões, valor suficiente para construir 114 hospitais.

Atualmente existem trinta ações em curso, que buscam explicação para aproximadamente R$ 1 bilhão dos recursos do SUS – alocados em nove secretarias que não a da Saúde – entre elas uma ação popular de 2004. Houve decisão judicial parcial e provisória favorável à ação. Em fevereiro de 2006, deputados do PT e sindicalistas protocolaram no Ministério Público de São Paulo uma representação contra o então governador Geraldo Alckmin (PSDB), acusado de deixar de aplicar na Saúde, desde 2001, cerca de R$ 2 bilhões.”

Roriz discutirá com FHC candidatura a governador do Distrito Federal

Andréia Sadi, iG Brasília

O ex-governador de Brasília Joaquim Roriz (PSC) estará em São Paulo nesta segunda-feira para um encontro com o ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso. Os dois deverão discutir o apoio do PSDB à tentativa de Roriz de voltar ao governo do Distrito Federal, na eleição de outubro. A informação foi confirmada ao iG pela assessoria de Roriz.

Roriz foi antecessor do governador cassado José Roberto Arruda (sem partido, ex-DEM), que está preso sob acusação de ter montado uma rede de corrupção no Distrito Federal. Arruda teria passado a operar um esquema com empresas de informática iniciado na gestão de Joaquim Roriz.

Adversário político do governador cassado e apontado como suposto articulador das denúncias contra o ex-afilhado político, o ex-governador Roriz chamou de "vergonhoso" os vídeos que flagraram Arruda recebendo dinheiro de suposta propina.

Em 2007, senador eleito pelo PMDB, Roriz foi obrigado a renunciar para não perder o mandato. Na ocasião, ele foi acusado de quebra de decoro após a divulgação de gravações telefônicas, feitas pela Polícia Civil do DF já sob o comando de Arruda, que o mostravam negociando a partilha de R$ 2,2 milhões.

Em outubro, se confirmado candidato, Roriz terá como principal adversário o ex-ministro do Esporte Agnelo Queiroz, do PT, que venceu a disputa interna do partido. O ex-governador do DF já o venceu nas eleições de 2006 na disputa por uma vaga no Senado.

terça-feira, 23 de março de 2010

Frase

“Vocês prestem atenção, se vocês são como eu que não gostam de ler notícia ruim, vocês prestem atenção no noticiário, porque política e eleição também são cultura. Sobretudo o resultado. Prestem muita atenção daqui para frente. Leiam os editoriais dos jornais, que a gente pensa que só o dono lê. Às vezes, é bom ler para a gente ver o comportamento de alguns falsos democratas que dizem que são democratas, mas que agem querendo que o editorial deles fosse a única voz pensante no mundo”.

Presidente Lula

"Os mestres do dinheiro" - 2

Excelente documentário: A história de como os "Bancos Privados" se tornaram a mais poderosa e infame dominação do mundo.

Serra inaugura nova maquete



Depois de inaugurar a maquete da ponte que ligará Santos ao Guarujá – obra que sequer teve a licitação iniciada, o governador Zé Chirico deverá comparecer hoje ao Fórum de Santana, na zona norte de São Paulo, para lançar, oficialmente, a réplica em miniatura do edifício London e do apartamento de Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá, em cerimônia que antecederá o início do julgamento do casal.

Diante da pouca repercussão de sua agenda de ontem, 21, quando inaugurou o Outono, o tucano exigiu de sua assessoria a presença de José Luís Datena, seu chegado da Rede Bandalha.

By: Cloaca News

Pra variar!! pausinha prum relax: Aonde Quer Que Eu Vá - Paralamas do Sucesso

Você compraria um carro usado desse sujeito?

Como "evoluiu" a derrota de Dilma em primeiro turno


Carlos Augusto Montenegro, do IBOPE, a Tales Faria, no Jornal do Brasil, em 02/06/2009:

– Olha, eu continuo com a mesma opinião. Defendo tudo aquilo que disse antes. Na minha análise, Dilma foi muito mal nessas pesquisas. Não estou levando em conta os números da espontânea, porque acho que este tipo de dado é pouco significativo a esta altura do campeonato. Voltando: Dilma foi mal porque as pesquisas mostram que ela já é conhecida de cerca de 80% do eleitorado. Serra é conhecido de 90% e tem manifestações de votos próximas de 40%. Dilma, com 80% de conhecimento, só tem 16% das pessoas dispostas a elegê-la. Acho que a ministra, sim, está chegando ao teto. Vamos olhar a rejeição à Dilma: bateu em 32,4%. É muito alto. Maior do que a do Aécio e a do Serra. Acho que, de fato, o anúncio da doença pode ter aumentado a velocidade de crescimento da ministra, neste momento, mas continuo na tese de que esta questão do câncer não irá refletir nas urnas. Nem contra, nem a favor. E também continuo achando que, contra a Dilma, o Serra será eleito em primeiro turno. Não vai ser fácil para a Dilma explicar, na campanha, essa história de que foi terrorista e assaltou banco. Brasileiro não gosta disso. Só haverá segundo turno se ficarem muitos candidatos na disputa. Mas acho que o Ciro Gomes, por exemplo, vai acabar desistindo.
Carlos Augusto Montenegro à revista Veja, em 26/08/2009, na reportagem “Lula não fará seu sucessor”:

Veja: Porém já existem pesquisas que colocam Dilma Rousseff na casa dos 20% das intenções de voto.

Montenegro: A Dilma, em qualquer situação, teria 1% dos votos. Com o apoio de Lula, seu índice sobe para esse patamar já demonstrado pelas pesquisas, entre 15% e 20%. Esse talvez seja o teto dela. A transferência de votos ocorre apenas no eleitorado mais humilde. Mas isso não vai decidir a eleição. Foi-se o tempo em que um líder muito popular elegia um poste. Isso acontecia quando não havia reeleição. Os eleitores achavam que quatro anos era pouco e queriam mais. Aí votavam em quem o governante bem avaliado indicava, esperando mais quatro anos de sucesso.

Carlos Augusto Montenegro a Ricardo Kotscho, em 03/02/2010:

Nas novas previsões de Montenegro, Dilma pode chegar logo aos 30%. Na entrevista anterior, ele afirmara que a transferência de votos do presidente Lula para sua candidata chegaria a um patamar de 15%. “A partir daí, será difícil conquistar cada ponto a mais”.

Agora, se Dilma chegar aos 30%, o presidente do Ibope acredita que 28% seriam de Lula e só 2% dela. “O PT não ganha”, continua afirmando Montenegro, para quem a eleição pode ser decidida pelo PSDB já no primeiro turno, se Ciro não for candidato, “seja o candidato o Serra ou o Aécio”.

By: Vi o Mundo

Lula vai anunciar programa de investimentos de R$ 1 trilhão


O governo prepara para o dia 29 o anúncio de programas, projetos e ações que implicarão em investimentos públicos e privados de R$ 1 trilhão durante o período 2011-2014 (o próximo mandato presidencial).

Esse volume de dinheiro previsto é o dobro do atual Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), que foi lançado no início de 2007 e compreende o investimento de R$ 504 bilhões.

Aproximadamente 25% (ou R$ 250 bilhões) dos recursos do PAC 2 deverão ser destinados ao financiamento da casa própria.


By: Brasília Confidencial

Porque "O Globo" não faz uma avaliação do programa de investimento do Serra


Todo início de ano, O Globo faz um balanço (distorcido) do PAC. Porque será que não faz o mesmo com o programa de investimentos do Serra, que governa o estado mais rico da federação, com o segundo maior orçamento do país?

Caso Isabella: o fato"ônibus"

Como a “grande mídia” volta a dar destaque ao “caso Isabella”, devido ao julgamento de Alexandre Nardoni e Anna Carolina Jatobá (acusados do crime e já condenados pela “grande mídia” há dois anos), minha “resposta” é o texto abaixo, originalmente publicado em 11 de abril de 2008.


Bruna surfistinha para a Academia Brasileira de Letras


Alguém ainda leva a sério a Academia Brasileira de Letras?  Agora só falta substituir o chá das cinco por big mac, mcfritas, e uma coca bem gelada. Se eu fosse o Zé Alagão, nosso twitteiro mais influente, não perderia essa chance. Bruna Surfistinha para a Academia Brasileira de Letras!

By: Blog do Cappacete

Dissidente inicia greve de fome


Em 2006 um dissidente do estado brasileiro entrou em greve de fome, da mesma forma que o cubano Farinas.

O portal Terra cobriu o fato.

segunda-feira, 22 de março de 2010

O gráficos que apresento neste trabalho foram processados pelo DATAFBI, a partir de dados extraídos dos Projetos de Lei Orçamentária do Governo de São Paulo, no período 2002-2010.

Todos os valores foram atualizados para 2010, pelo IPCA.

1. Evolução da Receita Total e do Orçamento da Saúde.



2. Percentual de Aplicação na Saúde em relação à Receita Total


3. Evolução do Orçamento da Saúde

Comentários:
. O orçamento da Saúde teve um crescimento real, no período 2005/2010, em valores absolutos, atualizados pelo IPCA.

. Já o percentual de aplicação na Saúde, em relação à Receita Total, cresceu até 2007, apresentando uma queda razoável no período de governo do Serra (2008/2010)

. Significa que a dotação orçamentária para a Saúde poderia ser bem maior do que foi, em função do crescimento acentuado da Receita Total.
Mais uma vez, é preciso lembrar que as dotações orçamentária aprovadas na ALESP podem não ter sido executadas. Se eu tiver fôlego e conseguir encontrar as informações adequadas poderei fazer esse trabalho. Se alguém puder me ajudar, melhor.

lambido do: FBI

Tucanos e os bancos Ppblicos


Matéria publicada pela revista IstoÉ em 2001:

Bancos - Um vespeiro de R$ 260 bilhões. Foi dada a largada para a reforma da CEF e BB
Nas próximas duas semanas, o governo vai meter a mão em um grande vespeiro político e econômico: a reestruturação do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal. O destino dos dois maiores bancos públicos do País e os maiores da América Latina e dos seus ativos de R$ 260 bilhões será discutido em audiência pública no Congresso.

Os mestres do Dinheiro

Excelente documentário: A história de como os "Bancos Privados" se tornaram a mais poderosa e infame dominação do mundo. Esta é a primeira parte; as demais serão posteriormente reproduzidas aqui.

Um pouco de romantismo!!! - pausinha prum relax!!

Mentiroso delilante do dia: Reverendo Onsi Ferreira



Eu ia fazer uns comentários, mas é desnecessário, não?

Quem acha que os políticos são a escória da raça humana não conhece os reverendos, padres, pastores, aiatolás e similares. Eu acho que os políticos vêm em quarto ou quinto lugar. Nem vou mencionar quem vem antes, fora esses dementes.

Ninguém aguenta mais Israel

"Israel nos enfraquece e coloca em risco a vida dos nossos soldados", diz o general Petraeus
General David Petraeus, chefe do Comando Central de operações militares no Oriente

Wálter Fanganiello Maierovitch

Foi mais do que uma provocação. Refiro-me à decisão do governo de Israel de autorizar a construção de 1.600 novas habitações em Jerusalém Oriental, área ocupada pelas forças israelenses desde 1967 com a Guerra dos Seis Dias.

Com o anúncio, o governo direitista conduzido por Benyamin Netanyahu — além de provocar para gerar reações — criou um fato novo, a representar obstáculo à retomada das conversações de paz, suspensas há 15 meses.

O “Quarteto para o Oriente Médio”, formado por EUA, Rússia, ONU e União Europeia, reuniu-se ontem em Moscou para pressionar Israel e condenar suas ações unilaterais que comprometem uma solução de paz.

Mas, não é a censura do Quarteto para o Oriente Médio, que tem até o ex-premiê Tony Blair como penduricalho, que mais chama a atenção, na visão deste blog Sem Fronteiras de Terra Magazine.

O general David Petraeus, chefe do USA Central Comand para as operações militares mais perigosas do planeta (Afeganistão, Paquistão, Iraque, Iêmen e Irã), disse no Senado norte-americano que as “posições de Israel enfraquecem os EUA”.

Para Petraeus, “Israel fomenta o sentimento antiamericano na região por passar a imagem de ser um Estado favorecido pelos EUA”. E no conflito árabe-israelense, para o general, isso cria danos à capacidade dos EUA de avançar em questões de seu interesse no Oriente Médio.

Quanto aos países árabes moderados, Petraeus os apresenta, também, como prejudicados por enfraquecimento da legitimidade. Com isso, grupos radicais, como a Al-Qaeda, tiram partido do ressentimento da população.

Esta análise perfeita, por evidente, não incomoda o ultranacionalista chanceler Avigdor Liberman, que aposta no quanto pior melhor.


PANO RÁPIDO. Petraeus tocou profundamente alguns senadores democratas ao concluir que “a intransigência de Israel coloca, ulteriormente, em risco a vida dos soldados norte-americanos empenhados na luta contra o terrorismo islâmico”.

Em breve, o general será carimbado como antissionista. É a velha, injusta e canalha fórmula de desqualificar simulando-se parcialidade.

Fonte: Brasil, mostra tua cara

"Não acredito que disse aquilo", diz presidente do Ibope sobre avanço de Dilma

O presidente do Ibope, Carlos Augusto Montenegro, foi o grande surpreendido pela pesquisa do Ibope encomenda pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) que foi divulgada na quarta-feira.

Clóvis Rossi: Serra aponta seu problema na eleição



Com o brilho que lhe é próprio, o repórter Clóvis Rossi levou às páginas um artigo que resume o drama de José Serra.

Antes de chegar ao texto de Rossi, abra-se um parêntese.

No Brasil, duas evidências permitem a um presidente detectar a chegada da síndrome do fim do mandato:

1. De uma hora pra outra, o inquilino do Planalto começa a beber cafezinho frio.

2. De repente, o presidente se dá conta de que os aliados estão desembarcando.

Sob Lula, tudo acontece às avessas. O cafezinho que chega da copa queima-lhe a língua. Legendas como o PMDB o bajulam como nunca.

Se quiser desperdiçar a sua hora, basta à oposição passar a campanha martelando os defeitos da gestão Lula.

Pode levar ao caldeirão, por exemplo, a encrenca do descontrole nos gastos públicos. Ou a falta de reformas estruturais. Porém...

Porém, a platéia parece estar noutra. O velho e bom “choque de gestão” tucano não é mercadoria que faça sucesso na gôndola sucessória.

Para seduzir eleitores que dão a Lula índices de popularidade divinais, o tucanato terá de providenciar algo que se pareça com um sonho novo. Fecha parênteses.

Retorne-se a Clóvis Rossi. No seu texto, disponível na Folha, o repórter enxerga na última entrevista de José Serra o drama eleitoral de José Serra.

Leia abaixo:

“Ao assumir sua candidatura à Presidência com aquele jeito José Serra de ser, o governador paulista disse o seguinte:

"O Lula fez dois mandatos, está terminando bem o governo. O que nós queremos para o Brasil? Que continue bem e até melhore".

Em três frases, Serra conseguiu, ao mesmo tempo, ser honesto na avaliação do governo do adversário, ser também óbvio e, por fim, definiu a imensa dificuldade que terá para vencer a disputa.

De fato, é muito difícil encontrar quem ache que Lula está terminando mal o governo.

Mas uma das principais características do mundo político é a oposição negar-se sempre a reconhecer os fatos quando os fatos são favoráveis ao governo. Serra não caiu nessa tentação.

O problema é o item seguinte, a torcida para que o Brasil "continue bem e até melhore". É o óbvio.

Salvo um ou outro tarado, não há nunca quem não queira que o país melhore. O problema para Serra será provar que ele é a pessoa indicada para fazer o Brasil melhorar.

Imagino que a massa de eleitores se fará a seguinte pergunta: se está bem com Lula, como admite até o candidato a candidato da oposição, para que mudar?

A resposta de Serra será (ou foi) esta: "Pesam as ideias, as propostas e o passado, o que cada um fez, como foi provado na vida pública".

Pode até ser que tais fatores pesem. Mas pouco. Vamos ser sinceros: ideias e propostas servem para debate entre especialistas.

A massa é guiada pela emoção e/ou pelo sentimento pessoal de cada qual. E o sentimento predominante, repito, é o tal ‘feel good factor’, o sentir-se bem que predomina na população/eleitorado.

Passado conta? Talvez. Mas pode contar contra também. Afinal, todas as pesquisas mostram que a maioria do eleitorado está hoje mais contente do que quando Serra fazia parte do governo”.

Escrito por Josias de Souza

Reinaldo Azevedo e um Possível Erro Médico.


domingo, 21 de março de 2010

Reinaldo Azevedo - A Vítima - e seu Ídolo Político

Preciso de mais informações, mas desconfio que o Jornalista (será?) Reinaldo Azevedo pode ter sido vítima de erro médico.
Sabe-se que, em passado recente, o "Tio Rei" apresentou alguns pequenos tumores no cérebro que, graças a Deus - e não estou sendo irônico, foram detectados ainda em formação. Foi feita a intervenção cirúrgica que, aparentemente, obteve sucesso! Ele, graças a Deus, está vivo!
Agora só precisamos estabelecer as datas em que ele foi operado e quando ele passou aos ataques contra Lula, o PT e, recentemente, Dilma Roussef.
Estabelecendo isto, podemos chegar à conclusão que, na cirurgia, além de extirpar os terríveis tumores que ameaçavam a vida do "Tio Rei", o cirurgião também retirou partes do cérebro que eram responsáveis por características tais como decência, compromisso com a verdade, serenidade, senso de ridículo e equilíbrio. Com a retirada, partes do cérebro se descontrolaram e passaram a mentir, deturpar, agredir, ironizar... causaram cegueira lateral - vê apenas do lado direito... Fizeram até com que o pobre coitado pensasse realmente que é um REI, em um forte ataque de distorção da realidade!
Então, antes de termos raiva, passemos a ter pena deste coitado! Ele é mais uma vítima dos erros médicos.

Quanto ao Augusto Nunes... Não há explicação para ele... Esse é canalha! Mesmo!

Lambido do:O Cachete:

domingo, 21 de março de 2010

21 DE MARÇO - AYRTON SENNA 50 ANOS - TRIBUTO AO BRASILEIRO MAIOR PILOTO DE FÓRMULA 1 DE TODOS OS TEMPOS


Ayrton Senna da Silva, eleito em dezembro de 2009 pelos seus colegas de profissão, (201 votantes) como o Melhor Pilotos de Fórmula 1 de todos os tempos, (Autosport) estaria completando hoje (21 de março) 50 anos de nascimento.

A História de sucesso do tri-campeão da F1 (1988,1990 e 1991) foi interrompida em1994, ano de sua morte, quando no GP de San Marino no Autódromo de Ímola,no dia 1º de maio, sofreu gravísimo acidente.

Senna teve uma carreira brilhante e meteórica em todas as categorias que disputou, e daí para a Fórmula 1 foi um passo, tendo estreado em 1984 no GP do Brasil pela Equipe Toleman-Hart.

Controverso, questionador, Senna jamais cedeu as teorias absurdas dos “donos’ da Fórmula 1, e lutava por mais segurança nas corridas.

Sua morte foi um baque para seus admiradores, e, depois dela a Fórmula 1 nunca mais foi a mesma, pois perdeu em talento, emoção, personalidade e caráter.

Aos que vão nascer

«An die Nachgeborenen», de Bertolt Brecht from blocsdelletres on Vimeo.


«An die Nachgeborenen», de Bertolt Brecht from blocsdelletres on Vimeo.

I

Realmente, eu vivo num tempo sombrio.
A inocente palavra é um despropósito. Uma fronte sem ruga
denota insensibilidade. Quem está rindo
é só porque não recebeu ainda
a notícia terrível.

Que tempo é este em que
uma conversa sobre árvores chega a ser falta,
pois implica em silenciar sobre tantos crimes?
Esse que vai cruzando a rua, calmamente,
então já não está ao alcance dos amigos
necessitados?

É verdade: ainda ganho o meu sustento.
Porém, acreditai-me: é puro acaso. Nada
do que faço me dá direito a isso, de comer a fartar-me.
Por acaso me poupam. (Se minha sorte acaba,
estou perdido.)

Dizem-me: — Vai comendo e vai bebendo! Alegra-te
com o que tens!
Mas como hei de comer e beber, se
O que eu como é tirado a quem tem fome, e
meu copo água falta a quem tem sede?
contudo eu como e bebo.

Eu gostaria bem de ser um sábio.
Nos velhos livros consta o que é sabedoria:
manter-se longe das lidas do mundo e o tempo breve
deixar correr sem medo.
Também saber passar sem violência,
pagar o mal com o bem,
os próprios desejos não realizar e sim esquecer,
conta-se como sabedoria.
Não posso nada disso:
realmente, eu vivo num tempo sombrio!

II

As cidades cheguei em tempo de desordem,
com a fome imperando.
Junto aos homens cheguei em tempo
de tumulto
e me rebelei com eles.
Assim passou-se o tempo
que sobre a terra me foi concedido.

Minha comida mastiguei entre refregas.
Para dormir deitei-me entre assassinos.
O amor eu exercia sem cuidado
e olhava sem paciência a natureza.
Assim passou-se o tempo
que sobre a terra me foi concedido.

As ruas do meu tempo iam dar no atoleiro.
A fala denunciava-me ao carrasco.
Bem pouco podia eu, mas os mandões
sem mim sentiam-se mais garantidos, eu esperava.
Assim passou-se o tempo
que sobre a terra me foi concedido.

Minguadas eram as forças. E a meta
ficava a grande distância;
claramente visível, conquanto para mim
difícil de alcançar.
Assim passou-se o tempo
que sobre a terra me foi concedido.

III

Vós, que vireis na crista da maré
em que nos afogamos,
pensai,
quando falardes em nossas fraquezas,
também no tempo sombrio
a que escapastes.

Vínhamos nós então mudando de país mais do que de sapatos,
em meio às lutas de classes, desesperados,
enquanto apenas injustiça havia e revolta nenhuma.

E entretanto sabíamos:
também o ódio à baixeza
endurece as feições,
também a raiva contra a injustiça
torna mais rouca a voz. Ah, e nós,
que pretendíamos preparar o terreno para a amizade,
nem bons amigos nós mesmos pudemos ser.
Mas vós, quando chegar a ocasião
de ser o homem um parceiro para o homem,
pensai em nós
com simpatia.

Bertolt Brecht

Tradução de Geir Campos

Pausa pro relax - Paralamas - Seguindo Estrelas

Caramba!!!
Seguindo Estrelas???
então...pensei...... : De Serra para Dilma!!
desculpem não aguentei...
Aguinaldo

"Pausinha" pro relax né? Chicago "Happy Man"

E a pesquisa?

Dilma, na pesquisa, está na frente de Serra; Luis Nassif (23h10): pesquisa do IBOPE foi impugnada? Muito estranho %$#&$!

Ibope: Dilma já está na frente do Serra


Por Paulo Henrique Amorim - 17.03.2010


O Conversa Afiada não acredita em pesquisa no Brasil.
Acredita em tendência: o Zé Alagão vai ter 30%, se tiver muita sorte.
É o que teve em 2002 e sempre a UDN terá .
No início da semana, um ministro de Estado disse ao Conversa Afiada que esta pesquisa do Ibope de hoje já mostrava Dilma na frente.
O Conversa Afiada não acredita em Globope.

Paulo Henrique Amorim
Em tempo: Montenegro, qual a tua margem de erro ? Quando você fez a pesquisa ? Montenegro, onde já se viu uma pesquisa sem margem nem campo ?

********************************


Pesquisa do Ibope Impugnada?


Por Luis Nassif - 17.03.2010


Data do Registro 09/03/2010
Protocolo 5429/2010
Processo RP Nº 564-24.2010.6.00.0000
Ministro Relator MINISTRO ALDIR PASSARINHO JÚNIOR
Contratada IBOPE Inteligência Pesquisa e Consultoria Ltda.
Contratante CNI – Confederação Nacional da Indústria – CNPJ 33.665.126/0001-34 – SB Norte, Quadra 1, bloco C – Asa Norte – Brasília, DF – CEP 70040-903
Valor da Pesquisa 162162
Origem dos Recursos Contratante
Pagante do Trabalho Contratante
Período de Realização de 05/03/2010 a 10/03/2010
Nr. de entrevistados 2002

Situação Impugnada